Correção: mandados de busca e apreensão no município de Simões Filho (BA)

O site Livre Concorrência errou ao noticiar que agentes da Polícia Federal, Cade e Gaeco cumpriram mandados de busca e apreensão na sede da Autoport, no município de Simões Filho, na Bahia. A Autoport, cuja sede localiza-se em Vitória (ES), não foi um dos alvos autorizados pela Justiça de São Paulo.

A informação correta é que a Operação Pacto – deflagrada para ampliar as investigações sobre crimes contra a ordem econômica e organização criminosa no setor de transporte de veículos novos – apreendeu documentos na sede de uma transportadora no município de Simões Filho – cidade onde também está localizada a Transcar, empresa denunciada no inquérito administrativo em andamento no órgão antitruste.

Na manhã de 17 de outubro, cerca de 60 agentes cumpriram dez mandados de buscas e apreensões em transportadoras dos grupos Sada e Tegma (Betim, em Minas Gerais, e São Bernardo do Campo, em São Paulo), além de em uma empresa instalada na Bahia. A sede de um sindicato de cegonheiros no Espírito Santo também foi alvo da operação.