A grande imprensa e a submissão ao poder econômico

É de envergonhar qualquer jornalista sério a postura acovardada dos veículos de comunicação social integrantes da chamada grande Imprensa brasileira. Ontem, ao ler a notícia veiculada pelo portal G1 sobre a manifestação feita pelos cegonheiros pernambucanos que buscam o direito de escoar parte da produção da Fiat/Jepp (montadora que abocanhou mais de R$ 5 bilhões em incentivos fiscais), senti-me envergonhado.

É escandalosa a submissão da grande imprensa brasileira ao poder econômico concentrado por montadoras de veículos e suas redes de concessionárias: uma verba publicitária incalculável, capaz de impedir que telespectadores ou leitores possam ter acesso às informações completas, sérias.

Eis que na notícia veiculada pelo portal G1, o texto omite que o protesto é contra a Fiat/Jepp que optou por contratar transportadores de Minas Gerais e de São Paulo, em detrimento aos profissionais pernambucanos. Esconde da opinião pública que a montadora, agindo dessa forma, participa de um conluio condenável sob qualquer aspecto, inclusive econômico, com as transportadoras acusadas (sua entidade a ANTV foi extinta por determinação da Justiça Federal) de formação de cartel no setor de transporte de veículos novos, principalmente a Sada Transportes e Armazenagens.

Medioli será julgado dia 28 por formação de cartel e de quadrilha
A notícia, incompleta, não menciona que a Sada é de propriedade do prefeito de Betim, Vittorio Medioli, que será julgado na próxima quarta-feira (28) por crimes contra a ordem econômica, no Tribunal de Justiça de Minas Gerais.

Inaceitável e inadmissível que ainda hoje, mesmo frente ao forte noticiário referente a Lava-Jato, os veículos de comunicação da grande imprensa ainda permaneçam submissos ao poder econômico dos anunciantes em potencial. Em nome do jornalismo sério, precisamos mudar o atual quadro. E com urgência, levando à opinião pública a notícia completa, em sua totalidade.

Cegonheiros bloquearam fábrica da Volks por 15 dias e a imprensa ignorou o fato
Em dezembro do ano passado, cegonheiros vinculados à mesma organização criminosa que continua controlando o chamado mercado dos cegonheiros paralisou a Volkswagen do Brasil por quase 15 dias. Nenhum integrante da grande imprensa noticiou. Por qual motivo? Pelo poder econômico (entenda-se anúncios) das montadoras.

Fiquem atentos para quando houver a divulgação, por exemplo, de algum acidente envolvendo os chamados caminhões-cegonha. A notícia levada à opinião pública pela grande imprensa omite, vergonhosamente, a empresa para a qual trabalha o “cegonheiro” e a marca dos veículos que estavam sendo transportados. Uma vergonha, difícil de ser escondida para quem vive o jornalismo sério. O poder econômico influenciando decisivamente na consolidação de uma notícia completa. Que pena !

Ivens Carús – Editor

ANTV BID da Volkswagen Cade Cartel dos cegonheiros Fiat Ford Formação de cartel Gaeco GM Incêndios criminosos Jeep Justiça Federal Luiz Moan MPF Operação Ciconia Operação Pacto Polícia Federal Prejuízo causado pelo cartel Sada Sinaceg Sindicam Sintraveic-PE Sintravers STJ Tegma Tentativa de censura Transporte de veículos Transporte de veículos2 Transporte de veículos novos TRF-4 Vittorio Medioli Volkswagen

Um comentário sobre "A grande imprensa e a submissão ao poder econômico"

  1. Luiz Carlos Bezerra disse:

    VC ESTÁ CERTO AMIGO IVENS CARÚS.
    ISSO É VERGONHOSO MESMO!
    TODA MATÉRIA PAGA SÃO NA MAIORIA FALSAS. ELES ESCONDEM A VERDADE PRA ENGANAR A OPINIÃO PÚBLICA! O POVO ESTÁ AMADURECENDO, E AOS POUCOS ESTÃO DEIXANDO DE CAIR NESTAS ARMADILHAS.
    TODO BANDIDO E CORRUPTOR É MAQUIAVÉLICO, ELE SABE MUITO BEM BURLAR A SOCIEDADE, E SABE TAMBÉM “PESCAR” OS CORRUPTOS. ESTEJAM ONDE ESTIVEREM, ELES SEMPRE OS ENCONTRAM.
    MAS AQUI EM PERNAMBUCO, OS MELIANTES ESTÃO “BATENDO DE FRENTE”, POIS NÓS QUE FAZEMOS PARTE DESTE SINDICATO LEGÍTIMO E SÉRIO, JAMAIS DESISTIREMOS DE NOSSA LUTA PELA VERDADE DOS FATOS!
    NO MEU PONTO DE VISTA, TODA EMISSORA QUE PUBLICA FALSAS NOTÍCIAS, DEVERIA SER SUMARIAMENTE FECHADA, VISTO QUE “LIBERDADE DE EXPRESSÃO” E “LIBERDADE DE IMPRENSA”, SÓ SERVEM PARA SE EDITAR VERDADES!
    A “CASA DA MÁFIA” ESTÁ RUINDO, E TENDERÁ A CAIR! CONFIO NAS ATUAÇÕES DO MPF E, AINDA ME RECUSO A DESACREDITAR NA JUSTIÇA MAIOR DESTE PAÍS!
    ‘AVANTE BRASIL’!!!!

Os comentários estão encerrados