Cade e CGU assinam acordo para aumentar eficiência na investigação de cartéis

O objetivo é aperfeiçoar fluxos de trabalho que envolvam condutas que possam ser apuradas e punidas pelas duas autoridades, além do compartilhamento de informações e bases de dados.

De Brasília

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e a Controladoria-Geral da União (CGU) firmaram parceria que possibilitará uma atuação integrada e mais eficiência nas investigações relacionadas a cartéis. O Acordo de Cooperaçãoão Técnica (ACT) foi assinado em 11 de novembro pelo presidente do Cade, Alexandre Cordeiro, e pelo ministro da CGU, Vinícius de Carvalho.

O termo entre os dois órgãos permitirá o aperfeiçoamento dos fluxos de trabalho que envolvam condutas que possam ser investigadas e punidas pelas duas autoridades. Também possibilita o compartilhamento de informações e bases de dados.

O acordo foi subscrito durante o painel Integridade e Concorrência: Sinergias entre a CGU e o Cade no Combate a Cartéis em Licitações, que encerrou o 29º Seminário Internacional de Defesa da Concorrência. O evento foi promovido pelo Instituto Brasileiro de Estudos de Concor­rência, Consumo e Comércio Internacional (Ibrac).

ANTV BID da Volkswagen Cade Cartel dos cegonheiros Fiat Ford Formação de cartel Gaeco GM Incêndios criminosos Jeep Justiça Federal Luiz Moan MPF Operação Ciconia Operação Pacto Polícia Federal Prejuízo causado pelo cartel Sada Sinaceg Sindicam Sintraveic-PE Sintravers STJ Tegma Tentativa de censura Transporte de veículos Transporte de veículos2 Transporte de veículos novos TRF-4 Vittorio Medioli Volkswagen

Um comentário sobre "Cade e CGU assinam acordo para aumentar eficiência na investigação de cartéis"

  1. LUIZ CARLOS BEZERRA disse:

    Pois é amigos.
    Contamos urgentemente com as determinações do CADE e CGU, para exterminar definitivamente esse Cartel dos Cegonheiros e todos os demais Cartéis, existentes em nossa Nação Federal!
    Cumpram-se essas determinações existentes da nossa Constituição Federal, urgentemente!
    Assim esperamos, mas sejam breves!
    Salvem a nossa Pátria Amada “BRASIL”!

Os comentários estão encerrados