Jaime dos Santos diz que reunião teve discussões, mas negA dívida e ameaças

Questionado pelo site Livre Concorrência a respeito do conteúdo da correspondência assinada pelo presidente do Sintravers, Jefferson de Souza Casagrande, o presidente do Sinaceg, Jaime Ferreira dos Santos (foto de abertura), esclarece:

“O Sinaceg mantém relações institucionais com quaisquer entidades que represente a categoria dos cegonheiros neste país. A citada reunião realmente ocorreu e foi agendada a partir de um pedido do Sr. Jeferson de Souza Casagrande.”

Publicidade: confira aqui o conteúdo do site Debate Jurídico


Em nota, o presidente do Sinaceg nega a ameaça:

“Na ocasião o Sr. Anderson, até então desconhecido do presidente, disse que ali estava para “cobrar uma dívida” supostamente assumida em 2011. Dada a inexistência da referida dívida por parte do Sinaceg, de fato, houve discussões acaloradas, mas são totalmente inverídicas as acusações de ameaças, inclusive, com armas de fogo.”

Ele prossegue:

“Reafirmamos que não cabe ao Sinaceg, nem tão pouco a qualquer sindicato, a prerrogativa de discutir assuntos relacionados a controle de “vagas de trabalho” ou controle delas com quem quer que seja.”

E conclui:

“Com a convicção de que a verdade se restabelecerá, atenciosamente, Jaime Ferreira dos Santos.”

ANTV BID da Volkswagen Cade Cartel dos cegonheiros Fiat Ford Formação de cartel Gaeco GM Incêndios criminosos Jeep Justiça Federal Luiz Moan MPF Operação Ciconia Operação Pacto Polícia Federal Prejuízo causado pelo cartel Sada Sinaceg Sindicam Sintraveic-PE Sintravers STJ Tegma Tentativa de censura Transporte de veículos Transporte de veículos2 Transporte de veículos novos TRF-4 Vittorio Medioli Volkswagen

Um comentário sobre "Jaime dos Santos diz que reunião teve discussões, mas negA dívida e ameaças"

  1. LUIZ CARLOS BEZERRA disse:

    SIMPLES ASSIM, NÃO É MESMO?
    ELES NÃO SÓ AMEAÇAM, COMO MANDAM COMETEREM ESSES ATENTADOS SIM.
    QUEM MANDA INCENDIAR CARRETAS DE OUTRAS TRANSPORTADORAS E ATÉ MESMO AS PRÓPRIAS (PRA SE FAZEREM DE VÍTIMAS), SÃO CAPAZES DE TUDO NESSE NOSSO PAÍS.
    ELES COMANDAM UM CARTEL, HÁ MUITOS ANOS E, SE CONSIDERAM COMO SINDICATO NACIONAL. FATO ESSE INCONSTITUCIONAL!
    FAZEM DE TUDO PARA SE MANTEREM NO COMANDO E COM EXCLUSIVIDADE, DOS TRANSPORTES DE VEÍCULOS NOVOS PRODUZIDOS NO BRASIL.
    UMA FACÇÃO CRIMINOSA COMO ESSA, DEVERIA ESTAR DEVIDAMENTE EXTINTA, HÁ MUITO TEMPO!
    TODOS MERECEM TRABALHAR, E SENDO ASSIM, AS PRÓPRIAS MONTADORAS (QUE TEM MEDO DELES), TAMBÉM DEVERIAM SE ADEQUAR!
    DESEJAMOS O FIM DESSE E DE OUTRO QUALQUER CARTEL EXISTENTE EM NOSSA PÁTRIA AMADA BRASIL!
    CUMPRAM-SE AS LEIS!

Os comentários estão encerrados